Farmácia Maxifarma

Por que é tão importante aparar a barba? Aprenda como fazer corretamente

Você curte o visual viking e por isso está fugindo da tesoura? Nada disso! Saiba por que é importante aparar a barba e como isso pode ajudá-la a crescer.

21 de novembro de 2018 - Maxifarma

Cultivar uma barba longa e cheia está na moda e pode deixar o visual muito mais estiloso. Porém, muitos homens acreditam que devem abandonar completamente a tesoura para isso, o que é um grande equívoco. Se esse é o seu caso, hoje você vai descobrir por que é importante aparar a barba e como fazer isso da forma correta.

Na verdade, a tesoura será uma de suas melhores amigas na hora de conquistar aquele belo visual viking. Se isso parece contraditório, basta pensar que, ao deixar sua barba crescer livremente, ela logo vai parecer uma grande bagunça de pelos emaranhados e sem forma – e você vai acabar desistindo antes mesmo de chegar ao look de lenhador moderno.

Por que é importante aparar a barba

Se você nunca deixou sua barba crescer, aqui vai um fato que pode te deixar surpreso: os pelos crescem em ritmo diferente, o que pode fazer com que, no mesmo intervalo de tempo, uma área do seu rosto ainda esteja igual a quando você tinha 5 anos enquanto outra pode fazer você parecer um lobisomem.

Em geral, a barba cresce mais rápido nas laterais – o que pode deixar você com o rosto arredondado caso você não a apare com frequência.

Além disso, a falta de manutenção pode trazer problemas como pontas duplas, frizz (quando os fios ficam espetados) e o pior de tudo: acúmulo de oleosidade, resíduos e microrganismos, o que pode resultar em um odor nada agradável e doenças de pele.

Assim, se você deseja ter uma barba de respeito, mais volumosa que a barba cerrada, mas que ainda seja considerada curta, a dica é apará-la a cada 10 a 20 dias, conforme o ritmo de crescimento dos pelos.

Porém, se você quer mesmo é ostentar uma barba bem longa e cheia, saiba que a frequência da manutenção é maior, geralmente a cada 7 dias. Isso acontece porque a tendência a apresentar problemas por falta de manutenção aumenta conforme a barba se torna mais volumosa.

Como aparar a barba corretamente

Aparar a barba é um processo muito diferente de fazer a barba – afinal, você não está em busca de um rosto lisinho. Porém, mesmo que você não esteja planejando remover todos os pelos, é preciso seguir alguns cuidados. Veja nossas dicas:

1. Tenha os materiais e produtos necessários à mão

Se para ter o rosto lisinho você usava apenas lâmina, espuma de barbear e loção pós-barba, tenha em mente que a manutenção de uma barba longa requer uma lista maior de materiais e produtos. O kit básico inclui:

  • Shampoo ou pasta de limpeza para barba;
  • Óleo ou balm para barba;
  • Espuma, creme ou sabonete de barbear;
  • Lâmina e navalha;
  • Tesoura;
  • Pente;
  • Loção pós-barba;
  • Modelador para barba.

2. Aplique o shampoo ou pasta de limpeza

Depois de umedecer os pelos, aplique um produto específico para a limpeza da barba, de modo a remover qualquer resíduo ou impureza que tenha se acumulado entre os fios e evitar infecções em caso de cortes acidentais.

E não se engane achando que você pode usar o mesmo shampoo com que você lava o cabelo: além de a natureza dos fios ser diferente, o que significa que eles têm necessidades distintas, a pele do rosto não é igual ao couro cabeludo.

Assim, é preciso usar um produto específico para a barba, de modo a não causar um desequilíbrio da pele, provocar seu ressecamento ou aumentar a produção de sebo.

3. Utilize um óleo ou balm para barba

Depois de enxaguar o shampoo, é importante utilizar um óleo ou balm especiais para a barba, pois esses produtos deixam os pelos mais macios e hidratados, facilitando o processo de aparar. Esse passo é ainda mais necessário para quem tem pelos mais grossos, que oferecem mais resistência à tesoura.

Além disso, conforme a barba fica mais longa, a oleosidade natural não chega mais com tanta intensidade até a extremidade dos fios, o que tende a deixá-los mais ressecados. Assim, ao utilizar esses produtos, as cutículas dos pelos se fecham e eles conseguem recuperar sua hidratação.

Dica extra: em dias muito quentes, o óleo pode deixar os fios muito pesados – ou melecados mesmo. Nesse caso, o balm pode ser uma opção mais confortável.

4. Apare os pelos mais longos com auxílio do pente

Com um pente fino, identifique os pelos que cresceram demais e estão prejudicando o formato da sua barba e utilize-o como guia para cortá-los com a tesoura. Mesmo que você tenha experiência, é necessário fazer esse processo com calma para não cortar mais do que você gostaria.

Caso prefira aparar a barba com uma máquina, a dica é utilizar um pente de número maior e sempre passá-la no sentido de crescimento dos fios.

5. Dê o acabamento com lâmina ou navalha

Se você mantém sua barba com um desenho bem definido, será necessário utilizar a lâmina ou a navalha para retirar os fios que estejam crescendo além do limite.

Nesse caso, é indispensável utilizar espuma, creme ou sabonete de barbear, de modo a facilitar o deslizamento e evitar a irritação da pele.

6. Finalize com a loção pós-barba e o modelador

Depois de aparar os fios, aplique uma loção pós-barba para acalmar e hidratar a pele, além de evitar que ela fique irritada. De preferência, escolha um produto sem álcool. Por fim, utilize um modelador para dar o formato que você deseja e manter os fios no lugar certo.

Agora que você sabe por que é importante aparar a barba e como fazer isso da forma correta, seus fios vão ficar muito mais saudáveis e será mais fácil ficar com o estilo viking ou lenhador que você tanto deseja. Boa sorte!

Fonte(s): Sobre BarbaBarba BravaMen's Market e Preparado Pra Valer