Farmácia Maxifarma

Como cuidar do cabelo antes, durante e depois da academia

O suor e a oleosidade deixa os fios opacos e sem vida. Saiba como cuidar do cabelo antes, durante e depois da academia para evitar esses danos.

21 de junho de 2018 - Maxifarma

Praticar exercícios é um dos hábitos fundamentais para garantir uma boa saúde e aumentar a sua qualidade de vida, mas pode representar alguns prejuízos às madeixas. Para evitar esse efeito, é importante saber como cuidar do cabelo antes, durante e depois da academia.

Felizmente, com algumas medidas para proteger seus fios, é possível manter o corpo em dia e os cabelos bonitos e fortes. Confira as dicas:

Antes do treino

Junto com a oleosidade natural do couro cabeludo, o suor deixa os fios opacos, sem vida e sujeitos à quebra. Por evitar esse problema, antes de ir para a academia proteja os cabelos com óleo de coco, um creme leave-in ou um creme para pentear com gotas de óleo vegetal (óleo de argan e de abacate são boas opções).

Se a atividade física for praticada ao ar livre, como corrida ou ciclismo, escolha um leave-in com filtro solar para evitar que a radiação danifique os fios e queime o couro cabeludo.

Antes da natação na piscina, é necessário proteger os fios da ação do cloro, que os deixa desbotados. Para isso, aplique silicone para formar uma camada protetora e umedeça os cabelos com água pura.

Durante o treino

Uma dica essencial é prender os cabelos para evitar que eles fiquem caindo no olho ou grudando na testa – ou, pior ainda, que eles enrosquem em algum aparelho! Para quem usa megahair, é ainda mais importante prender as mechas de forma a evitar o contato com o suor.

Dê preferência a um elástico revestido por tecido para não quebrar os fios. Vale fazer um rabo de cavalo, um coque ou até mesmo uma trança alta, mas lembre-se de deixar os fios meio folgadinhos. Isso porque um penteado muito apertado pode arrancá-los e levar à alopécia, um processo de queda que pode ser irreversível.

Para quem pratica esportes aquáticos, o principal cuidado é utilizar uma touca própria para evitar o contato dos cabelos com o cloro ou o sal.

Se a atividade for feita ao ar livre, utilize um boné, um chapéu ou uma bandana feitos de material leve e respirável, assim você protege seus cabelos do sol e evita o abafamento, que pode causar coceira e descamação, sintomas da dermatite seborreica.

Depois do treino

Ao finalizar seus exercícios, o ideal é lavar os cabelos em até 90 minutos para remover o suor, evitando a proliferação dos fungos, o surgimento de odor desagradável e o agravamento dos danos. A lavagem deve incluir uma boa massagem no couro cabeludo para retirar o sal, o excesso de oleosidade e demais sujidades que tenham se acumulado.

Depois, é recomendável repor a hidratação e os nutrientes perdidos com condicionadores que contenham ativos como poliquarternium, D-pantenol, silicone e complexos de proteínas. Aplique uma máscara de hidratação profunda uma vez por semana para reparar as fibras capilares.

Se você faz natação, a dica é aplicar água pura no cabelo assim que finalizar a atividade, antes mesmo da lavagem completa, para remover o máximo possível do cloro que fica impregnado nos fios. O cuidado também vale para quem pratica esportes no mar, com o intuito de remover o sal.

Para quem utiliza bonés, toucas e outros acessórios que possam abafar o couro cabeludo, pode ser necessário utilizar um shampoo anticaspa duas ou três vezes por semana para combater a dermatite seborreica.

Depois da lavagem, procure deixar o cabelo secar naturalmente, evitando o uso do secador. Enquanto os fios estiverem molhados, não os prenda nem utilize a chapinha, pois esses hábitos podem danificar madeixas já sensibilizadas pelo suor, o cloro ou o sol.

Cuidados constantes

Além desses cuidados antes, durante e depois dos exercícios, é preciso acrescentar mais alguns hábitos à rotina para garantir a saúde e a beleza dos cabelos.

Um deles é manter uma alimentação rica em vitaminas, sais minerais e antioxidantes, especialmente vitamina A, vitamina C, ferro, zinco e ômega-3, e pobre em açúcares e gordura – dieta que não apenas contribui com as madeixas, mas também com o bom funcionamento de todo o corpo.

Outra medida importante é, pelo menos uma vez por mês ou conforme a necessidade dos fios, fazer um tratamento de hidratação e nutrição mais profundo, de forma a devolver a elasticidade da fibra capilar e repor as perdas sofridas com as agressões durante os exercícios.

Ao seguir as dicas de como cuidar do cabelo antes, durante e depois da academia e associá-las com essas outras medidas, você une os benefícios que as atividades físicas proporcionam ao corpo, fica longe de uma série de doenças e ainda mantêm seus cabelos bonitos, sedosos e cheios de vida!

Fonte(s): Tão Feminino, Segredos de Salão, VIX e Boa Forma