Farmácia Maxifarma

Como cuidar da pele no verão com 10 dicas imprescindíveis

Queimaduras solares podem ser muito dolorosas e prejudicar suas férias. Veja como cuidar da pele no verão, fique longe desse problema e aproveite ao máximo!

09 de janeiro de 2019 - Maxifarma

As temperaturas aumentam a cada dia e as idas à praia e à piscina são as grandes atrações da estação. Com o aumento da exposição à radiação solar, você provavelmente já sabe que é muito importante evitar os horários de pico nesta época do ano, mas existem outras dicas essenciais quando o assunto é como cuidar da pele no verão. Confira:

1. Reforce o uso do filtro solar

O protetor solar deve ser utilizado todos os dias, independentemente da estação do ano, mas seu uso deve ser reforçado no verão, quando os raios do sol nos atingem com mais intensidade. Por isso, dê preferência a produtos com fator de proteção solar (FPS) 30 ou superior e que também ofereçam proteção contra os raios UVA (medida em PPD).

No dia a dia, aplique o protetor antes de sair de casa, na hora do almoço e no meio da tarde. Quando você for à praia, à piscina ou a outro ambiente ao ar livre, passe o filtro no corpo todo de 20 a 30 minutos antes de se expor ao sol e reaplique-o a cada 2 horas ou depois de mergulhar, transpirar ou se secar com a toalha.

2. Utilize barreiras físicas para se proteger do sol

Além do filtro solar, é necessário utilizar acessórios como bonés e chapéus para complementar a proteção contra os raios ultravioletas, especialmente entre as 10 e as 16 horas. Óculos de sol de boa qualidade também são indispensáveis.

Em atividades ao ar livre por tempo prolongado, como durante uma pescaria, também é importante utilizar roupas de mangas longas feitas de algodão, que bloqueiam a maior parte dos raios prejudiciais. Os tecidos sintéticos, por sua vez, permitem a passagem de 70% da radiação.

Na praia, procure utilizar barracas de algodão ou lona, que têm uma maior capacidade de proteção em relação a outros materiais. Mesmo assim, cerca de 50% dos raios atravessam esses tecidos, de modo que o uso do filtro continua sendo indispensável.

3. Proteja cicatrizes novas e antigas

Pessoas com cicatrizes recentes resultantes de lesões, cirurgias ou espinhas, entre outras, devem evitar a exposição solar, pois elas tendem a ficar mais escuras de forma permanente. Quando a exposição for inevitável, a cicatriz deve ser coberta com filtro solar e esparadrapos.

As cicatrizes mais antigas também devem ser protegidas porque o excesso de sol pode transformá-las em tumores. A chance é pequena, mas existe.

4. Redobre os cuidados com as crianças

Os efeitos prejudiciais do sol são cumulativos durante toda a vida – e estima-se que 80% dos danos são provocados antes dos 18 anos. Dessa forma, é preciso estar ainda mais atento às crianças, que têm a pele mais sensível à radiação.

A partir dos seis meses de idade, recomenda-se o uso de um protetor solar infantil ou apropriado para peles sensíveis. Contudo, tenha em mente que, mesmo com o filtro, as crianças não devem ficar horas seguidas na água, sendo necessário fazer intervalos à sombra para a reaplicação do produto.  

5. Hidrate o corpo por dentro e por fora

O aumento das temperaturas e a exposição ao sol favorecem a perda de água pela pele, o que favorece o ressecamento e as fissuras. Desse modo, é preciso fazer uso diário de loções hidratantes para reconstituir a barreira de proteção.

Além disso, como a transpiração é mais intensa, é necessário aumentar a ingestão de líquidos como água, chás, água de coco e sucos naturais, alcançando cerca de 2,5 litros por dia. Assim, a hidratação também acontece de dentro para fora – o que é essencial para a manutenção da saúde e da integridade da pele.

6. Depile-se 48 horas antes de se expor ao sol

Diversos métodos de depilação, incluindo lâmina, cera e laser, deixam a pele muito sensível aos efeitos nocivos do sol e sujeita a manchas escuras, por isso eles devem ser realizados no mínimo dois dias antes de você ir à praia ou à piscina ou conforme a orientação do profissional.

7. Tome banho o mais rápido possível depois de mergulhar

Se a praia ou piscina tiver um chuveirinho, não deixe de tomar uma ducha rápida para remover o sal, a areia ou o cloro do corpo, pois essas substâncias agridem a pele e fazem com que ela fique mais vulnerável ao ressecamento.

Assim que possível, porém, procure tirar as roupas molhadas e tomar um banho completo. Aproveite para aplicar um hidratante ou uma loção pós-sol para acalmar a pele.

8. Evite tomar sol depois de fazer tratamentos estéticos

Tratamentos como peeling, microdermoabrasão, esfoliação e até mesmo uma limpeza de pele fazem com que o tecido cutâneo fique mais suscetível às agressões causadas pelos raios solares.

Dessa forma, é melhor evitar fazer esses procedimentos logo antes da temporada de praia ou piscina e seguir as orientações do dermatologista ou esteticista.

9. Saiba como prevenir as micoses

O calor e a umidade favorecem a proliferação dos fungos causadores de micose na pele, nas unhas e no couro cabeludo – um problema que se acentua ainda mais no verão, principalmente em áreas como virilha, axilas e entre os dedos dos pés.

Para evitá-lo, procure não passar muito tempo com roupas molhadas, seque-se muito bem após tomar banho, evite utilizar calçados fechados por muito tempo e use chinelos em ambientes coletivos que estão sempre úmidos, como vestiários, saunas e chuveiros de praia ou piscina.

10. Aumente a ingestão de betacaroteno

O betacaroteno é um pigmento natural responsável pela cor vibrante de frutas e vegetais amarelos, laranja e vermelhos. No organismo, ele tem função antioxidante e é precursor da vitamina A, ajudando a prevenir os danos que o sol pode causar à pele.

Dessa forma, nesta época do ano é importante aumentar o consumo de alimentos que contêm esse pigmento, como abóbora, beterraba, cenoura, maçã, mamão e manga.

Conhecer e colocar em prática essas dicas de como cuidar da pele no verão é a melhor forma de aproveitar a estação com saúde, sem perder dias de praia ou piscina em função de uma queimadura ou micose. Divirta-se!

Fonte(s): SBDO Globo e Tua Saúde